Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

O meu coração em retrospectiva ( salvo por um fio de luz da alma )

My heart in retrospective ( save for a soul light wire )

Retrospecção artistíca sucinta - Short artistic retrospection

 

Por tudo o que recebo,

jaz a descontinuidade

da fútil verdade:

que não percebo;

que pertence sempre ao mesmo,

à mentira e egoísmo!

 

Perdida por a aventureira,

da minha alma;

que me alumia na noite

mais escura e me salva.

Tornando a noite luminosa e perfeita!

**********************************************

For all i get,

lies the discontinuity

of futile truth:

that i don`t understand;

always belongs to the same,

lie and egoism!

 

Lost for adventuress,

of my soul;

which enlightens me at

darkest night and save me.

Making the night luminous and perfect!

***********************************************

O meu coração escondido;

dá o seu sinal, quer atenção:

ouço o seu bater descuidado...

Como se me fizesse reclamação!

Não te compliques, porque estou perdido,

e não me entendo assim calado.

 

My hided heart;

gives its signal, want attention:

listen yours careless beats...

As if make me complaint!

Not complicate you, because i am lost,

and i do not understand me so silent.

*********************************************

Enquanto a noite se prolonga,

viajam em mim todas as suas

      promessas presas...

Em tantas inspirações e delongas,

em sua vantagem em tantas luas!

 

Assim o meu coração emprestado,

       a todas as esperanças:

sobrevive só e tão magoado...

Numa religiosidade da alma,

que sobrevive, como moribundo

carente, por um fio de luz que o salva!

*********************************************

Whereas the night lasts,

traveling in me all their

     prey promises...

In many inspirations and delays,

to their advantage in many moons!

 

So my heart borrowed,

         to all hopes:

survives lonely and so hurt...

In a religiosity of soul,

which survive, as moribund

needy, for a light wire which saves!

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Neste embriagar constante, que inflama:

               do sentir emergente

de corropio das emoções;

umas infernais e incoerentes,

outras sedentas e carentes:

vou mantendo a razão, em clara chama!

 

In this constant drunkeness, that ignites

           of the emerging sense

the hustle of emotions;

some hellish and incoherent,

other hungry and needy:

i will keep the reason, in clear blaze!

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

  Rosamar  Freedom 

 

   

 

 

 

 

   

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.