Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

Adeus breve ( ao país dos sentimentos )

Brief goodbye ( to feelings world )

 

Por infinitos instantes deixo devagar,

num sonho interrompido...

Essa vontade "tão habitual" do meu olhar, sempre perdido!

Que era necessidade, como respirar,

que era o meu geito de amar.

--------------------------------------------------------------------------------

By infinit instants i leave slowly,

in a interrupted dream...

That will "so usual" of my look, always lost!

It was necessity, like breathing,

it was my way of loving.

...................................................................................................

Quebrei por infinitos instantes,

as regras do meu coração,

nessa doce devoção

nessa crença das minhas verdades;

e pousei as minhas promessas de antes...

Na aventura de saber de outras liberdades!

--------------------------------------------------------------------------------

I breake by infinit instants,

the roules of my heart,

in that sweet devotion

in that belief of my trues;

and i landed my before promises ...

In the adventure to know about other freedoms!

.........................................................................................

O meu geito de ser tão omisso;

mas que mostrei nos velados, secretos

pensamentos recreados devido e secretamente

embelezados pela misteriosa imaginação,

que é constante e inconstante permisso!

;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

My way of being so silent;

but which i showed in veiled, secret

thoughts recreate due and secretly

embellished by the mysterious imagination,

which is constant and inconstant permission!

..................................................................................

Uma liberdade estranha me tocou, sem saber

para outra chama de viver!

Num dia que é mais outro,

que não quero igual e perdido,

num dia que se levanta a lutar;

de querer, de se entregar ao desconhecido!

;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

A strange freedom touch me, without know it

for other flame of living!

In a day which is another one,

that i don`t want similar and lost,

in a day which arises to fighting;

to want, to surrender to the unknown!

........................................................................ 

   Rosamar  Freedom 

 

 

 

 

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.