Sexta-feira, 11 de Maio de 2018

Acumular experiências intensas (no coração e traição do mistério da vida)

Accumulating intense experiences(in heart and betrayal of the mystery of life)

"Poesias são experiências intensas e misteriosas entre o sonho e a realidade"

"Poetry are intense and mysterious experiences between dream and reality"

 

Essa separação tão dolorosa,

que me traz o requebro da memória;

a vida a sentir como o espinho da rosa,

que permite respirar na dor de saber a glória

de que a intercepção da vida é pura dor e contradição!

 

This separation so painful,

which brings me the quaver memory;

life to feel like the thorn of the rose,

that allows you to breathe in the pain of knowing the glory 

that the interception of life is pure pain and contradiction!

 

Mas intervalos de alegrias e tristezas

recomeçam sempre a liberdade presente,

da curiosidade de tantas experiências ilesas;

que se desvanecem em sonho e verdade

para voltar a querer viver intensamente...

 

But intevals of joys and sorrow

always begin again the present freedom,

of the curiosity of unharmed experiences;

which vanish into dream and truth

to return to want to live intensely...

 

No labirinto da vida tão verdejante e desconhecido

preparo-me tantas vezes para tudo:

o que não tem alma, não tem alma, é só voragem...

Mas, dentro de mim, de novo a coragem

de seguir viagem no meu sonho perdido!

 

In the maze of life so green and unknown

i prepare myself so often for everything:

that has no soul, no soul, is just vorage...

But within me, again the courage

to continue my journey in my lost dream!

 

E se tudo o que sinto tão perfeito no meu coração,

é demasia e sobra tão invisível num doce lamento;

que tem destino trágico sem reconhecimento:

tanto sentimento numa longa "canção de solidão".

Sua música será finalmente intensa duração:

         em seu único momento

 

And if everything that feels so perfect in my heart,

it`s to much and so invisible in a sweet lament;

who has tragic destiny without recognition:

i feel so much in a long "song of solitude".

Your music will finally intense duration:

            in your single moment

    Rosamar  Freedom

 

publicado por lybelinha às 12:48

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Escrever o mundo (à "dist...

. Tudo o que me comove - Ev...

. A aprendizagem natural - ...

. Segredos da poesia - Sile...

. Segredos da poesia - Sile...

. Regras poéticas ( O prelú...

. Contemporâneo ( Esquecime...

. Regras poéticas ( O prelú...

. Secret, beautiful - Among...

. Versos livres - Free vers...

.arquivos

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.tags

. todas as tags

.favorito

. Janela da imaginação - es...

. A criatividade do sonh...

blogs SAPO

.subscrever feeds