Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

Poética da alma

Criei este espaço completamente livre com o motivo de mostrar que é possível dar voz ao pensamento liberto na verdadeira expressão do espírito e da alma e as suas paixões! Um sonho inspirado em liberdade e amor.

As cidades dos poetas II - The poet`s cities II

Leitora ávida de todo o propósito que sente,

que faz a criação eleger o sonhar humano;

nada tenho, senão um vazio,

uma angustia existencial, e só por um desvario,

que repentinamente somos tanto do que amamos!

A vontade num sonho ao coração nunca mente.

 

Avid reader of the whole purpose that feels,

that makes creation choose the human dream;

i have nothing but a void,

an existencial anguish, and only for a rave,

that suddenly we are so much of what we love!

The will in a dream to the heart never lies.

 

O artista sonha, mas todos sonham também!

Sem sonho não há arte, humanidade, poetas, escritores;

tudo o que me traz na certeza de viver:

são todas as possibilidades de querer

continuar sempre a manter valores,

em cada estrofe, dou as lembranças para esse bem...

 

               Utopia perdida - Lost utopia

Se os poetas se redimissem da sua grande ilusão!

O desejo que faz acreditar sempre

que há um dia, pelo que sei, amanhã:

para que a esperança fosse tão real, como é vã...

Para mudar um pouco o que vivo no presente,

a cidade dos poetas não seria apenas literatura e ficção.

 

If the poets redeemed themselvesfrom their great illusion!

The desire that makes believe always

that there is a day, for what i know, tomorrow:

so that hope was as real as it is vain...

To change a little what i live in present,

the city of poets would not be just literature and fiction!

      Rosamar  Freedom 

 

 

 

As cidades dos poetas - The poet`s cities

Não asseguro que a arte me faz esquecer;

mas que me tem em seu milagre...

Por ser toda a maior expressão que abre:

ou a libertação, ou subversão, ou a mudança a vencer!

Como uma reflexão que faz a história da humanidade.

 

I do not assure you that art makes me forget;

but that it has me in its miracle...

Because is the biggest expression that opens:

or the liberation, or the subversion, or the change to overcome!

As a reflection that makes the history of mankind.

 

   Rosamar  Freedom

Irregularidade e paz - Irregularity and peace

 

"Melancolia na cidade" - " Melancholy in the city"

     Transcendência - Transcendence

   Paisagem real com imaginação - Real landscape with imagination

Terra com longos retalhos sobrepostos,

em vegetação castanha clara e verde intensa;

que sobre os semi-montes selvagens

com tudo equilibrado pela natureza e o céu imenso...

Sem esquecer o sol que aos poucos dá aos montes nítidas imagens!

 

Earth with long overlapping flaps,

in light brown an intense green vegetation;

that on the semi.round wild hills

with everything balanced by nature and the immense sky...

without equating the sun that little by little gives to the nitted hills pictures!

 

Cedo, de manhã a luz esbranquiçada resguarda

a linha bem marcada do cume montanhoso;

criando um contraste tão belo, como ilusório...

A separação da luz e distância guarda

uma visão artística de um sonho assombroso:

como se a inspiração de uma tela fosse algo tão simplório!

 

Early, in the morning the whitish light holds

the well-marked line mountainous ridge;

creating a contrast as beautiful as it is ilusory...

The separation of light and distance holds

an artistic vision of an astonishing dream:

As if the inspiration of a screen were something so simple!

 

Só o silêncio da clara aurora a encandear;

do sol que ilumina o céu sem licença...

O dia submete a sua liberdade natural,

para que tudo se transforme no mais puro ar,

por que a sua energia é sinal de vida não eventual!

 

Only the silence of dawn dazzles;

of the sun that illuminates the sky without license...

The day submits to your natural freedom,

so that everything becomes the purest air,

because his energy is a sign of non-eventual life!

 

Toda a grandiosa paz que não se limita.

Então surge um carro solitário

na estrada a passar debaixo da pequena ponte;

sinal da civilização que precipita

a mudança na paisagem campestre defronte!

 

All the great peace that is not limited.

Then a lonely car appears

on the road passing under the small bridge;

sign of civilization precipitating

the change in the countryside opposite!

 

No seu ritmo defraudado resta ainda

um pequeno rastro de aromas...

Que só a cidade tem de imitação,

nos seus jardins que os espaços alinda.

Em irregular existência, campo-cidade há a ventura

            da indecisão da emoção!

 

At its defrauded pace remains

a small trace of aromas...

That only the city has of imitation,

in their gardens that spaces become beautiful.

In irregular existence, country-city there is the happiness of the  

                        indicision of the emotion...

 

Raízes por repartir na encosta verdejante,

que se move acima da cidade;

que na sua longa saudade

vai mudando o cenário no olhar viajante!

E lá se sente aquela melancolia citadina e campestre, na cidade

 

Roots to share on the verdant slope,

which moves above the city;

which in its long longing

is changing the scenery in the traveler`s look!

And there you feel that melancholy city and country in the city

 

     Rosamar  Freedom

***Refiro-me a um lugar verdadeiro, mas simultaneamente imaginado, pois toda a paisagem é transcendência da nossa imaginação.

****I refer to a real place, but simultaneously imagined, for the whole landscape is the transcendence of the imagination.  

 

   

 

 

 

  

 

   Rosamar  Freedom

 

 

 

 

Se eu voltasse ( na ilusão mais breve )

If i returned ( in the briefest illusion )

  Dísticos - Couplets

 

Esta mera ilusão,

que me casta o coração.

 

This mere illusion,

which chaste my heart.

 

É desenho do traçar

distante que é o desejo de sonhar...

 

It`s drawing from distant map

which is the desire to dream...

 

Mas, se eu voltasse,

tudo se transformasse!

 

But, if i came back,

everything would change!

 

Em tantos outros quotidianos

mesmo os mais levianos;

 

In so many other everyday

even the most frivolous;

 

Só no denso oceano resplandece:

a minha inspiração que não desvanece

 

Only in the dense ocean shines:

my inspiration does not fade

 

Se eu voltasse sem o esquecimento,

que não quisesse, sem o esmorecimento!

 

If i returned without forgetting,

which he did not want, without the demoralization!

 

Se eu voltasse, só com a coragem;

sem a futilidade e a voragem...

 

If i returned, only with courage;

without the futility and the maelstrom...

 

Sem a caricatura da perversidade,

que dilacera o coração na adversidade!

 

Witout the caricature of perversity,

which tears the heart in adversity!

 

Em devaneio tão breve ( eu voltasse )

e a obscuridade se desvanecesse pelo ser leve...

 

In a daydream so brief ( i come back )

and the darkness faded for being light...

 

Se eu voltasse, só pela poética da imaginação

mais bela da palavra com o coração.

 

If i returned, only by the poetics of imagination

most beautiful of the word with heart.

 

     Rosamar  Freedom 

 

      

 

Literacia do coração - Heart literacy

A viva linguagem é toda a razão,

para que nunca se desanime 

toda a interessante conexão;

em todas as folhas na letra que imprime

um outro lugar escrito na fala do coração

 

A living language is the whole reason,

So you never get discouraged

the whole interesting connection;

on all sheets in word that prints

another place written in the speech of the heart

 

Tamanho sentir, tamanha emoção

renova o sentido tão desvanecido;

da vida que reanima a lição,

de tudo o que não é conhecido

e que sempre é devolvido para a expressão!

 

Size feel, such emotion

renews the meaning so faded;

from life that revives the lesson,

of what in not known

and that is always returned to the expression!

 

    Rosamar  Freedom

 

Mil poemas de solidão ( A mendigar amor ) - A thousand love poems ( To beg for love )

Só a coragem não me abandona,

nas linhas que vagueiam

para tudo o que o poeta sonha:

é pura magia que se enleia

na dura aventura da esperança;

    que sem limites voa...

 

Merely the courage don`t leave me,

in the lines that wander

for everything the poet dreams of:

it is pure magic that ensnares

in the hard adventure of hope;

     which without boundaries flies...

 

Só sei que a solidão

é sempre boa rima para o coração,

mas não por ser desejo seu

que este sentir meu

não se consome só na solitude,

só por nascer na sua doce virtude!

 

I only know loneliness

is always good rhyme to heart,

but not because it is your desire

that this feelinh of mine

is not consumed only in solitude,

only to be born per his sweet virtue!

 

Nem é devaneio sem sentido;

tudo o que cisma, instiga

toda a máscara da poética da alma sem mácula

na errância do poeta perdido,

que colecciona dor e mágoa;

mas, eternamente o amor mendiga.

 

Not is it meaningless reverie;

everything that schisms, instigates

instigates whole mask of soul poetics without blemish

in the long wandering of the lost poet

who collects pain and sorrow;

but forever love begs.

 

    Rosamar Freedom