Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Se pudesse chegar - If it could arrive

Como explicar os contratempos pessoais?

Senão a nós mesmos, às vezes...

O labirinto interior não sossega

é a permanência em vão do meu avesso,

que me desentenderá com os outros mesmo em todas as preces.

E por mais que tente as igualdades são tão desiguais!

 

O meu exterior é o que vês:

mas, eu sou o que não conheces.

Intentas por me dissuadir,

só por que me viste a sorrir

sem nunca saberes, nem para mereceres;

quebras o olhar para nunca me perceberes...

 

Mas, peço-te que me deixes chegar,

por que não guardarei mais lágrimas.

Eu vou recordar e também perdoar!

Aquele dia de raras rimas,

em que o desejo da inspiração na profunda emoção

foi a maior alegria do meu coração...

 

How to explain personal setbacks?

If not to ourselves, sometimes...

The inner labirinth do not settle 

is the stay in vain of my inside out,

that will disentangle me with the others even in all the prayers.

And as much as try the equalities are so unequal!

 

My outside is what you see:

but i am what you do not know.

You try to dissuade me,

just because you saw me smiling

without ever knowing, nor  to deserve:

you breake the look so you never perceive me...

 

But i beg you to let me to arrive,

because i will not keep my tears.

I will remember and also forgive!

That day of rare rhymes,

in which the desire for inspiration in deep emotion

was the greatest joy of my heart...

 

    Rosamar  Freedom  

 

 

 

 

 

 

publicado por lybelinha às 19:56

link do post | comentar | favorito
|

Indefinitivas palavras - Undefined words

Comunicativas, percebidas, mal entendidas, perdidas...

Communicative, understood, misunderstood, lost...

 

Sinais de comunicação preparam:

o entendimento para ser mais claro

ávido, o pensamento delas necessita (palavras)

para existir em tudo o que o sinta,

desde o mundano até ao raro!

Todas as palavras o pensamento elevam...

 

Communication signals prepare:

the understanding to be clearer

greedy, thinking needs them (words)

to exist in everything that you feel,

from the mundane to the rare!

All the words the thought elevates...

 

Mas, em tantas traduções, expressões,

em que se esgueiram complicadas

em muitas direcções...

Vão sendo certas, incertas, adequadas.

Sem limite revelam intenções,

ou deixam definitivamente de ser claras!

 

But in so many translations, expressions,

in which they slipped complicated

in many directions...

They will be certain, uncertain, adequate.

Without limit, they reveal intentions,

or cease to be clear!

 

Usamo-las para adjuvar a vontade,

para que sejam clareza sem confusão;

numa quase finalidade de verdade.

Regenero tanto sentido com elas perto do coração!

Mas, o poeta que as expõe tão cruas na saudade,

endeusa-as na sua ambiguidade de sentido em toda a sua expressão

 

We use them to adjuge at will,

so that they are clarity without confusion;

to be clear in a quasi-purpose of truth.

I regenerate so much sense with them near heart!

But the poet who exposes them so raw in longing,

deifies them in their ambiguity of meaning in all its expression

 

Um pensamento é mais vigoroso,

quando entendido em palavras soltas;

em sua intensidade alta na emoção!

As palavras  querem a voz na entoação...

E assim ganham vida, deixam de estar imóveis, mortas;

São entendidas, sonhadas, amadas, como bem tão mágico e precioso!

 

A thought is more vigorous,

when understood in loose words;

in their high intensity in emotion!

The words want voice in intonation...

And thus they come to life, cease to be immobile, dead;

They are understood, dreamed, loved as well so magical and precious!

 

    Rosamar  Freedom 

Um entemdimento entre o caminho percorrido do pensamento às palavras:

An understanding between the path traveled from thought to words: 

Camargo, Cunha e Bulgacov (2003),

" a partir da compreensão do pensamento do Vygotski (1992), dizem que o pensamento verbal possui  desde planos internos até aos mais externos. Os planos internos onde o sentido se configura, relaciona-se aos motivos, intenções, necessidades, interesses, impulsos e emoções do sujeito. Seria o ponto de origem do pensamento, ainda sem uma forma linguística específica, a linguagem interna, onde as palavras adquirem sentidos particulares que são intraduzíveis na língua externa.(...) O pensamento precisa da palavra para se realizar, o caminho do pensamento para a palavra passa pela mediação do significado".  - Discussão da significação musical a partir da compreensão dos conceitos de significados e sentidos tal como propostos por Vygotski      

   

 

 

 

 

   Rosamar  Freedom  

 

  

 

 

 

  

publicado por lybelinha às 15:50

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Experiências na vagueza do real - Experiences in vagueness of the real

- Formação poética na rude inquietação -

- Poetic formation in rough restlessness -

 

Antes de tudo me ajustar,

em algumas certezas;

em determinação lenta de modo

a viver como fluida projecção sem falar

as imagens, os sentidos, as ideias nas palavras presas;

na secreta sublimação da alma, que em palavras recordo 

 

First of all i ajust myself,

in some certainties;

in slow determination of mode

so as to live as fluid projection without speaking

the images, the senses, ideas in the words arrested;

In secret sublimation of soul that in words i remember

 

Casta introspecção na liberdade de sentir:

tantas experiências de exaltação e tristeza

em tantos lugares em que o desejo

tem requebro na memória sem fugir...

Permanece sempre a presença tão delicada e indefesa

da vontade de voar pelo sonho que é sorte e ensejo!  

 

Pure introspection in freedom to feel:

so much experiences of exaltation and sadness

in so many places in where desire

has a shiver in the memory without escape...

Always lingers the presence so delicate and vulnerable

of the will of flying by the dream which is luck and chance!

 

Os versos são como lavadas gotas de água,

num mar que será infinito...

Sempre que se escapam, voltam leais.

São transformadores até da dor e da mágoa;

são encantadores por seu fruto ser um fascínio em domínio!

São a forma mais artística da invenção do mundo

                              em projecções reais.

 

The verses are like washed drops of water,

in a sea that will be infinite...

Whenever they escape, they return loyal.

They are transformers of pain and sorrow;

they are charming because their fruit is a fascination in dominion!

They are the most artistic form of invention in the world    

                    in real projections.

 

     Rosamar  Freedom

 

 

 

 

publicado por lybelinha às 15:49

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Os dias de hoje - Nowadays

Desinspiração sem poética - Desinspiration without poetics

 

Só posso sentir um recuar,

que me traz horas melhores;

que permanecem em liberdade

em que ainda se valoriza outra realidade.

Para outros valores,

que hoje sopram ventos de desumanizar!

 

I can only feel one step back,

which brings me better hours;

that lingers in freedom

in which another freedom is sttll valued.

For other values,

that today blows the winds of dehumanizing!

 

Retrógrada, a pensar no que está atrás?

Não, mas este presente

não convoca nenhum futuro;

é tão sombrio, escuro, obscuro.

A humanidade está doente,

em tudo o que se toca, nada apraz!

 

Retrograde, to think about what is behind?

No, but in this present situation

no future is summoned;

is so gloomy, dark, obscure.

Humanity is sick,

in everything that is touched nothing pleases! 

 

Se quem acredita, que a arte 

é o espelho do que o quotidiano permita,

é tão só desvalorização...

Para um caos sob muita pressão,

mesmo que a vontade se omita;

nem se luta, é o pensamento a deixar-te

 

if you believe, that art

is the mirror of what everyday life allows;

it is only devaluation...

To chaos under a lot of pressure,

even if the will is ommited;

nor is it struggling, it is the thought to leave you

 

Não se pode querer ou desejar outro amanhã,

se na mente não concretizar nenhum ideal;

o meu coração vazio e distante,

só será feliz na utopia viajante,

fugindo insatisfeita com um quotidiano sem perspectiva e bana!

A lutar para desfazer só esta esperança tão vã....

 

One can not want or desire another tomorrow,

if in the mind does not materialize any ideal;

my empty and distant heart,

only will be happy in the distant utopia,

fleeing unsatisfied with a day-to-day without perspective and banal!

To strive to undo only this hope so vain...

 

    Rosamar  Freedom 

 

 

 

    

 

  

 

 

 

  

 

 

 

publicado por lybelinha às 15:19

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Dezembro de 2017

Mundo universal - Universal world

A linguagem ambígua dos sonhos - The ambiguous language of dreams

 

O mais inocente impulso que escreve:

é a vontade de tornar

o mundo tão ambíguo e diverso.

esse modo de o ver como sonho breve,

mas também imenso e por revelar;

não para o olhar como lugar adverso!

 

The most innocent impulse you write:

is the will to make

the world so ambiguous and diverse.

This way of seeing him as a brief dream,

but also immense and to reveal;

not to look like an adverse place!

 

O modo de o pensar por construir,

sempre como um pensamento tão inacabado;

sem um quotidiano, que parece indestrutível, como um muro.

Almeja uma ligação a surgir,

que é universal na união de um ideal pensado

a linguagem dos sonhos detém um passado,

            mas também pensa um futuro

 

The way of thinking to build,

always as a thought so unfinished;

without a daily life, that seems indestructible, like a wall.  

Desires a connection to arise,

which is universal in union of an ideal thought

the language of dreams holds a past,

          but also thinks a future 

 

A universalidade entende e ambiciona,

como se fosse um guia, uma religião!

Por pousar no entendimento inefável

de culturas em que a diferença não pressiona,

para fechar a expressão;

quer seja humana, artística, cultural ou

       de um sonho para ser realizável...

 

Universality understands and aims,

as if it were a guide, a religion!

For to dwell in the ineffable understanding 

of cultures in which difference does not press,

to close the expression;

whether human, artistic, cultural or

       a dream to be achievable...

 

   Rosamar  Freedom

  

 

 

 

 

publicado por lybelinha às 18:25

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 5 de Dezembro de 2017

Com a sombra da tristeza - With the shadow of sadness

Tudo o que é importante,

tanto tempo, que se foi...

Como se ficasse preso na memória do instante;

representação tão directa de ser poeta e dói.

Mora todo o sentido poético no labor do tempo,

a dividi-lo pelo poder em mágico momento

que só o coração é pura defesa,

para toda a sombra da tristeza!

 

Everything that`s important,

so long it`s gone...

As if stuck in memory of the moment;

so direct representation of being a poet and it hurts.

All the poetic sense lives in the labor of time,

to divide it by the power in magical moment

that only the heart is pure defense,

for the shadow of sadness!

 

Muitas emoções, evocações, tantas incertezas...

Sempre a metade tão imperfeita;

como ter asas ilesas,

que cobrem as mentiras, que enjeitas.

Mas, o mesmo desejo, que me libertou e espreita

para me inspirar a tornar a dividir dias, noites, manhãs, tardes, surpresas!

E recordar outra vez o que raro eu senti,

               e o tempo voou...

 

Many emotions, evocations, so many uncertainties...

Always the half so imperfect ;

as having uninjured wings,

covers lies you cast out.

But, the same desire that set me free and lurks

to inpire me to re-divide days, nights, mornings, afternoons, surprises!

And remember how rare i felt

        and time flew...

 

 

    Rosamar  Freedom

 

 

 

 

 

 

publicado por lybelinha às 23:10

link do post | comentar | favorito
|

Na poesia, como na música ( Há sempre a liberdade do ser )

In poetry, as in music ( There is always the freedom of being )

 

             Generosidade luminosa - Luminous generosity

São tantas as palavras, que renascem  

com o meu sentimento de agrado

que me conduzem ao "quid" misterioso;

que se exprime sempre no inefável, na imagem,

na ilusão que sobeja no onírico ancorado...

A glória da pureza da esperança a fluir na desdita, no amor

                                e na paixão sem limite

 

So many words, are reborn

with my feeling of pleasure

that lead me to the mysterious "quid";

which is always expressed in the ineffable, in the image,

in the illusion that remains in the dream anchored...

The glory of purity of hope to flow in unhappiness, in love

                          and in unlimited passion

 

São tantas as canções, que fazem viajar

o meu coração em toda a felicidade:

nas doces quimeras da vida;

que me preparam para amar,

na solidão, na coragem, na saudade

no meu reencontro depois de estar perdida.

 

There are so many songs that make my heart

travel in all happiness:

in sweet chimeras of life;

that prepares me to love,

in solitude, in courage, in longing

in my reunion after being lost.

         " Os muitos destinos da música"

         "The many destinations of music"

                    O Amor- Love

A intemporalidade real dos motivos;

uma despedida que é a tristeza e mágoa,

das palavras que são adiadas, evasivas;

um reencontro inesperado na confusão

      do mundo e seu burburinho,

uma separação forçada na tristeza de uma só lágrima!

A surpresa do amor incurável a unir dois destinos

 

The real timelessness of motifs;

a farewell that is sadness and sorrow,

the words that are postponed, evasive;

an unexpected reunion in the confusion

        of the world and its buzz,

a forced separation into the sadness of a single tear!

The surprise of incurable love uniting two destinations

 

    Rosamar  Freedom

 

 

 

    

  

publicado por lybelinha às 11:40

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Novembro de 2017

Na poesia, como na música ( Há sempre a liberdade do ser )

In poetry, as in music ( there is always the freedom of being )

         Generosidade luminosa - Luminous generosity

 

Sempre que as letras

da poesia me acendem,

na volta da inspiração;

sustento na memória razões certas

as palavras sublimam o instante, delicadas emergem...

Uma palavra para fazer nascer uma ideia perfeita!

 

Whenever the lyrics

of poetry light me up,

on the return of inspiration;

i keep in my mind certain reasons

words sublimate the instant, delicate emerge...

A word to make an idea come to perfection!

 

A música que levita sobre as emoções;

relaciona o significado no momento sentido.

E sempre se pode dar às recordações,

que estão guardadas, um outro destino;

uma nostalgia feliz que o tempo aprimora

em que se forma o sonho imaginação que demora...

 

The music which hover on emotions;

relate the mean in the sense.

And one can always give memories,

that are stored, another destiny;

A happy nostalgia that time improves

the dream forms the imagination that lingers... 

 

    Rosamar  Freedom  

 

 

publicado por lybelinha às 12:17

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Novembro de 2017

O fulgor da audiência ( A ambição de um sonho )

The glow of the audience ( The ambition of a dream )

Por mais que esta direcção

se misture com muitas coisas,

que me seduzem a alma, o coração  

não me recrio sem o meu ritmo lúdico;

que não é simbólico em nenhum público.

 

However much this direction

is mixed with so many things,

that seduce me soul, heart

does not recreat me without my playful rhythm;

that is not symbolic in any public.

 

Espero em apreço do que faço,

para ser todo o meu rigor

para o que os meus pensamentos

não se retraem, é tudo isso

e mais para o que faço e desfaço;

por ser a frutífera cor da alma em seu clamor!

 

I hope in appreciation of what i do,

to be all my rigor

for what my thoughts

do not retract, is all this

and more to what i do and undo;

for being fruitful color of soul in its cry!

 

Particularizar uma vasta audiência

nos seus gostos e ambições:

é simular o desejo do impossível.

Públicos instruídos e interessados na essência

de o que os artistas expressam em suas realizações,

é um sonho utópico para um único espectador tão sensível...

 

Particularize a wide audience

in their tastes and ambitions:

it is simulate the desire of the impossible.

Educated audiences interested in essence

of the artists express in their achievements,

is an utopian dream for such a sesitive viewer...

 

O sucesso pode ser tão efémero, como a inspiração!

Um artista nunca se reconhecerá na sua dependência;

é um eterno percurso com altos e baixos.

O seu âmago fulgurante é a sua continuação,

a sua vontade é a sua digna prevalência!

 

Success can be as ephemeral, as the inspiration!  

An artist will never recognize himself in his dependency;

is an eternal journey with ups and downs.

Its radiant core is its continuation,

its will is its worthy prevalence!

 

    Rosamar  Freedom 

 

 

  

publicado por lybelinha às 18:26

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

Rumo contra a maré - A intensidade do ser - Against the tide - The intensity of being

Partilha de ideias velhas sábias - Sharing wise old ideas

 

Ser, ser é pilar principal

para a primordial aventura;

que incorpora a escola da educação.

Mais o ser subliminal, que nos segreda e murmura...

Mais, acção com coração, aprender a ser, uma decisão!

 

Being, being is the main pillar

for the primordial adventure;

That incorporates the school of education.

Not the subliminal self, that secretes and murmurs us...

But, acion, heart, learn to be, a decision!  

 

Mas, um sonhador de qualidade

é aquele, que se refugia na luz da lua,

no sol, que sobe o céu ao meio-dia;

que se frustra no mundo de desigualdade,

que navega no mar da memória de criança numa falua

a sentir as palavras caídas, que a maré é outra vez vazia.

 

But, a quality dreamer

is one, who takes refuge in the moonlight,

in sun, which rises the sky at noon;

which is frustrated in a world of inequality;

who sails in a "sea of child" in a falua

to feel the fallen words, that the tide is empty again.

 

O sábio que deslumbra todo o desencanto

me ensina na sua tenacidade fina,

que toda a clareza da mente e sua leveza

não se pode desfazer nos ventos sobre as ondas em seu triste canto...

A obscuridade dentro do ser que desafina;

só a combate aquela ilimitada chama chamada permanência 

 

The wise men who dazzles all the disenchantment

teach me in his fine tenacity,

that all the clarity of mind and its lightness

can not undo in the winds on the waves in your sad song...

The obscurity within being that out of tune;

just fight with that unlimited flame called  permanence

 

   Rosamar  Freedom

 

 

    

 

publicado por lybelinha às 16:44

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Se pudesse chegar - If it...

. Indefinitivas palavras - ...

. Experiências na vagueza d...

. Os dias de hoje - Nowaday...

. Mundo universal - Univers...

. Com a sombra da tristeza ...

. Na poesia, como na música...

. Na poesia, como na música...

. O fulgor da audiência ( A...

. Rumo contra a maré - A in...

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.tags

. todas as tags

.favorito

. Janela da imaginação - es...

. A criatividade do sonh...

blogs SAPO

.subscrever feeds